3
views
0
recommends
+1 Recommend
1 collections
    0
    shares
      • Record: found
      • Abstract: found
      • Article: found
      Is Open Access

      Solos e vegetação nativa remanescente no Município de Campinas Translated title: Soil and native vegetation remnant in Campinas, SP, Brazil

      Read this article at

      Bookmark
          There is no author summary for this article yet. Authors can add summaries to their articles on ScienceOpen to make them more accessible to a non-specialist audience.

          Abstract

          O objetivo deste trabalho foi identificar atributos e classes de solos associados à ocorrência de remanescentes de cerrado e de floresta nativa em Campinas, SP, e identificar espécies indicadoras desses ambientes. Vinte e sete fragmentos de vegetação nativa foram estudados. Foi realizada a caracterização morfológica, classificação e coleta do solo para análises, bem como o levantamento florístico-fitossociológico do estrato arbóreo. A análise de correspondência canônica identificou as variáveis mais bem correlacionadas com a distribuição das espécies e identificou 15 variáveis que explicaram 31% da variância nos dois primeiros eixos. A classificação dos solos discriminou as fitofisionomias estudadas, Argissolos associados às matas e Latossolos aos cerrados, indício de que baixa fertilidade, baixa retenção de água e drenagem acentuada do solo favorecem o estabelecimento de cerrado. Parâmetro "n" da curva de retenção de água, densidade, H+Al, Ca, Al, K e Mg trocáveis, macroporos e matéria orgânica do solo foram os atributos dos solos mais efetivos nessa diferenciação fitofisionômica. A barreira química imposta pelo excesso de Al e deficiência de Ca no horizonte B e a baixa retenção de água nos solos sob cerrado favorecem as espécies Luehea grandiflora, Persea willdenovii, Xylopia aromatica e Erythroxylum daphnites, abundantes e exclusivamente encontradas nos fragmentos de cerrado.

          Translated abstract

          The objective of this work was to identify soil attributes and classes associated to the occurrence of forest and tropical savannah remnants in Campinas, SP, Brazil. Twenty seven native vegetation fragments were studied. Soil morphological, chemical, and physical characterization were carried out, along with floristic-phytosociological survey of the tree stratum. Canonic correspondence analysis identified variables better correlated with plant species distribution. Fifteen environment variables explained 31% of the variance of the first two axes. Soil classes at the Brazilian System of Soil Classification discriminated the studied vegetation: soils with argillic B horizons were more associated to forests, and soils with oxic B horizons, low fertility and good drainage were associated to tropical savannahs. Low fertility, low water retention and good drainage benefit cerrado vegetation establishment. Multivariate analysis identified n parameter of the water retention curve, bulk density, exchangeable H+Al, Ca, Al, K and Mg, macropores and soil organic matter as the most effective soil attributes to plant physiognomy differentiation. The chemical barrier imposed by excess aluminum and calcium deficiency, at B horizon, as well as low water retention in soils under savannah vegetation benefit Luehea grandiflora, Persea willdenovii, Xylopia aromatica and Erythroxylum daphnites, abundant and exclusive species on savannah fragments.

          Related collections

          Most cited references 28

          • Record: found
          • Abstract: not found
          • Article: not found

          A Closed-form Equation for Predicting the Hydraulic Conductivity of Unsaturated Soils1

            Bookmark
            • Record: found
            • Abstract: not found
            • Article: not found

            Estrutura da paisagem e fragmentação: Análise bibliográfica

              Bookmark
              • Record: found
              • Abstract: found
              • Article: found
              Is Open Access

              Influência do solo e topografia sobre as variações da composição florística e estrutura da comunidade arbóreo-arbustiva de uma floresta estacional semidecidual em Ingaí, MG

              Foi realizado um levantamento da comunidade arbóreo-arbustiva, da topografia e dos solos de um fragmento de floresta estacional semidecidual com o objetivo de verificar as possíveis correlações entre variações da estrutura fisionômica e composição de espécies e variações do regime de água e fertilidade química dos solos. O fragmento florestal, com área de 17 ha, localiza-se às margens do rio Ingaí (21º24' S e 44º55' W), no município de Ingaí, MG. Foram realizados um levantamento plani-altimétrico da área e uma classificação detalhada dos solos da floresta. Foram alocadas 25 parcelas de 20 × 20 m para amostrar os indivíduos arbóreo-arbustivos com diâmetro à altura do peito (DAP) > ou = 5 cm. Amostras do solo superficial (0-20 cm de profundidade) foram coletadas nas parcelas para análises das propriedades químicas e texturais. Foram registrados nas parcelas 2.683 indivíduos distribuídos em 140 espécies, 90 gêneros e 41 famílias, bem como quatro subgrupos de solos e seis classes de drenagem. Uma análise de correspondência canônica (CCA) dos padrões emergentes das variáveis ambientais e da abundância das espécies indicou que estas se distribuem no fragmento sob forte influência do regime de água e da fertilidade química dos solos. Além disso, várias espécies produziram correlações significativas entre sua abundância nas parcelas e as classes de drenagem e saturação por bases dos solos, sugerindo que água e nutrientes minerais são as principais variáveis ambientais determinando a distribuição das espécies na floresta.
                Bookmark

                Author and article information

                Journal
                pab
                Pesquisa Agropecuária Brasileira
                Pesq. agropec. bras.
                Embrapa Secretaria de Pesquisa e Desenvolvimento; Pesquisa Agropecuária Brasileira (Brasília, DF, Brazil )
                0100-204X
                1678-3921
                September 2007
                : 42
                : 9
                : 1319-1327
                Affiliations
                Campinas SP orgnameInstituto Agronômico
                Article
                S0100-204X2007000900014 S0100-204X(07)04200914

                This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

                Page count
                Figures: 0, Tables: 0, Equations: 0, References: 31, Pages: 9
                Product
                Product Information: website
                Categories
                Solos

                Comments

                Comment on this article