12
views
0
recommends
+1 Recommend
1 collections
    0
    shares
      • Record: found
      • Abstract: found
      • Article: found
      Is Open Access

      La construcción de los derechos sociales y los sistemas sanitarios: los desafíos de las fronteras Translated title: The construction of social rights and healthcare systems: the challenges of borders Translated title: A construção dos direitos sociais e os sistemas sanitários: os desafios das fronteiras

      research-article

      Read this article at

      Bookmark
          There is no author summary for this article yet. Authors can add summaries to their articles on ScienceOpen to make them more accessible to a non-specialist audience.

          Abstract

          Este artículo plantea las asimetrías entre la globalización económica y social, evidenciando las desigualdades territoriales en salud ya existentes así como la aparición de nuevas demandas con repercusiones en los derechos sociales. Los movimientos de capital y de los procesos productivos se dan de forma global al contrario de lo que sucede con los procesos de protección social y de salud, los cuales siguen circunscritos a los estados nacionales. Las iniciativas en los países de la Unión Europea y del Mercosur no han trascendido de intervenciones puntuales marcadas por la urgencia de la atención no llegando a la construcción de derechos en ámbitos regionales. Los distintos sistemas sanitarios y características de cobertura no se han armonizado y la atención a la salud en los espacios fronterizos presenta una gran diversidad. Este es el caso de las situaciones presentadas en dos zonas del Estado Español, Extremadura y Cataluña y en la frontera de Brasil, Argentina e Paraguay - Foz de Iguazu, Puerto Iguazu y Ciudad del Este.

          Translated abstract

          This article presents the asymmetries between economic and social globalization, revealing the existing territorial inequalities in healthcare, as well as the rise of new demands with repercussion for social rights. The movements of capital and of productive processes take place in an intense manner, contrary to what occurs with the processes of social protection and healthcare, which continue to be limited to nation states. The initiatives in the countries of the European Union and Mercosur have not transcended isolated interventions, marked by the urgency of attention, and have not achieved the construction of rights on a regional level. The different healthcare systems and characteristics of coverage have not been placed in harmony, while there is a great diversity of attention to healthcare in the border regions. This is the case of the situations presented in the two regions in Spain, Estremadura and Catalunha, and in the region of the Brazil, Argentina and Paraguay border - in the cities of Foz de Iguaçu, Porto Iguaçu and Cidade do Leste.

          Translated abstract

          O presente artigo expõe as assimetrias entre a globalização econômica e social, evidenciando as já existentes desigualdades territoriais em saúde, bem como o surgimento de novas demandas com repercussões nos direitos sociais. Os movimentos do capital e dos processos produtivos acontecem de forma intensa, ao contrário do que ocorre com os processos de proteção social e de saúde, os quais continuam circunscritos aos estados nacionais. As iniciativas nos países da União Européia e do Mercosul não têm transcendido de intervenções pontuais, marcadas pela urgência da atenção, não alcançando a construção de direitos em âmbitos regionais. Os diferentes sistemas sanitários e as características da cobertura não têm se harmonizado, ao mesmo tempo que a atenção da saúde nos espaços de fronteira apresenta uma grande diversidade. Este é o caso das situações apresentadas em duas regiões do Estado Espanhol, Estremadura e Catalunha, e na fronteira de Brasil, Argentina e Paraguai - Foz de Iguaçu, Porto Iguaçu e Cidade do Leste.

          Related collections

          Most cited references19

          • Record: found
          • Abstract: not found
          • Article: not found

          Os Pensadores

            Bookmark
            • Record: found
            • Abstract: found
            • Article: found
            Is Open Access

            Saúde nas fronteiras: acesso e demandas de estrangeiros e brasileiros não residentes ao SUS nas cidades de fronteira com países do MERCOSUL na perspectiva dos secretários municipais de saúde

            No contexto de formação de mercados comuns, as regiões de fronteira adquirem especial atenção, pois antecipam efeitos dos processos de integração. Nas fronteiras convivem diferentes sistemas políticos, monetários, de segurança e proteção social, e a intensificação de fluxos decorrentes da integração gera novos desafios para os sistemas de saúde, exigindo políticas específicas direcionadas à garantia do direito à saúde nas regiões fronteiriças. Este trabalho apresenta resultados de pesquisa com o objetivo de analisar condições de acesso e demandas por serviços de saúde em cidades fronteiriças do MERCOSUL. Foi realizado inquérito com secretários municipais de saúde das 69 localidades brasileiras da linha de fronteira com países do MERCOSUL referentes aos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul. Buscou-se identificar ações demandadas pela população fronteiriça, mecanismos utilizados para acesso, fluxos entre serviços e sistemas, estratégias de resposta e acordos locais. Iniciativas de cooperação entre gestores locais brasileiros e estrangeiros, identificadas em quase metade dos municípios, podem orientar a formulação de diretrizes para situações de fronteira que possibilitem a melhoria do acesso integral à atenção à saúde.
              Bookmark
              • Record: found
              • Abstract: not found
              • Article: not found

              The European Social Model: an exercise in deconstruction

                Bookmark

                Author and article information

                Contributors
                Role: ND
                Role: ND
                Journal
                rk
                Revista Katálysis
                Rev. katálysis
                Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina (Florianópolis )
                1982-0259
                June 2009
                : 12
                : 1
                : 50-58
                Affiliations
                [1 ] Universitat Autònoma de Barcelona Spain
                [2 ] Universidade Católica de Pelotas Brazil
                Article
                S1414-49802009000100007
                10.1590/S1414-49802009000100007
                e184b84e-170a-4746-93b1-c25b0ace3126

                http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/

                Product
                Product Information: website
                Self URI (journal page): http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=1414-4980&lng=en
                Categories
                FAMILY STUDIES
                SOCIAL WORK

                Social policy & Welfare,Family & Child studies
                healthcare systems,territorial inequalities in healthcare,social rights,borders,globalization,sistemas de saúde,desigualdades territoriais em saúde,direitos sociais,fronteiras,globalização,sistemas de salud,desigualdades territoriales en salud,derechos sociales,fronteras,globalización

                Comments

                Comment on this article

                Similar content570

                Cited by3

                Most referenced authors62