1
views
0
recommends
+1 Recommend
0 collections
    0
    shares
      • Record: found
      • Abstract: found
      • Article: not found
      Is Open Access

      Laços e histórias: a reforma psiquiátrica e as relações afetivas entre familiares de sujeitos psicóticos Translated title: Bonds and histories: psychiatric reform and affective relations between relatives of psychotic subjects Translated title: Lazos y historias: la reforma psiquiátrica y relaciones afectivas entre familiares de sujetos psicóticos

      Read this article at

      ScienceOpenPublisher
      Bookmark
          There is no author summary for this article yet. Authors can add summaries to their articles on ScienceOpen to make them more accessible to a non-specialist audience.

          Abstract

          RESUMO A maioria das atuais demandas em saúde mental são atravessadas por questões provenientes do movimento da Reforma Psiquiátrica, que teve como objetivo o rompimento de modelos manicomiais no tratamento de sujeitos em sofrimento psíquico. Sendo assim, o presente estudo buscou investigar sujeitos em tratamento em um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), seus modos de relacionamento familiar e a importância das mesmas durante o acompanhamento nestes dispositivos de assistência diante os desafios impostos pelo processo de desinstitucionalização. Para tanto foram realizadas sete visitas semanais em um CAPS situado em uma cidade do interior de Minas Gerais, no período entre março e junho de 2018. A partir das observações realizadas, foram levantadas questões como: a importância da família no acompanhamento terapêutico, as mudanças na dinâmica familiar diante do adoecimento, o desenvolvimento de autonomia e situações de violência. Dentre as diversas temáticas abordadas nessa experiência, destaca-se a importância dada ao CAPS e aos vínculos familiares pelos usuários na reconstrução de sua autonomia, assim como os encargos subjetivos gerados pelas demandas de cuidado.

          Translated abstract

          ABSTRACT Most of the current demands on mental health are issues that once arose from the Psychiatric Reform movement, which aimed to discontinue the mental asylum model in the treatment of patients suffering psychiatrically. Thus, the present research has sought to investigate patients treated at a CAPS (Centros de Atenção Psicossocial), their family relationships and the importance of them during the follow-up in these care centers faced with the challenges caused by the deinstitutionalization. Therefore, weekly visits were made at a CAPS located in a small town of Minas Gerais. From the observations made, questions were raised such as the importance of the family in the therapeutic support, the changes in family dynamics in the face of illness, development of selfreliance, violence occurrences with confinement suffered inside psychiatric wards, and power relations. Among the different themes addressed in this experiment, the importance given to the CAPS and family bonds by the users in the restoration of their autonomy stands out, as well the subjective burdens generated by the demands of care.

          Translated abstract

          RESUMEN La mayoría de las actuales demandas en salud mental son atravesadas por cuestiones provenientes del movimiento de la Reforma Psiquiátrica, que tuvo como objetivo el ruptura de los modelos manicomiales en el tratamiento de sujetos con sufrimiento psíquico. Por esta razón, el presente estudio busca investigar cómo los sujetos en tratamiento en un Centro de Atención Psicosocial (CAPS), sus modos de relaciones familiares y la importancia de las mismas durante el seguimiento en estos dispositivos de asistencia ante los desafíos impuestos causadas por la desinstitucionalización. Por lo tanto, se realizaron visitas semanales en un CAPS situado en una ciudad en el interior de Minas Gerais. A partir de las observaciones realizadas, se plantearon cuestiones como la importancia de la familia en el acompañamiento terapéutico, desarrollo de autonomía, los cambios en la dinámica familiar ante la enfermedad, situaciones de violencia y reclusión sufridas dentro de hospitales psiquiátricos y relaciones de poder. Entre las diversas temáticas abordadas en esta experiencia se destaca la importancia dada al CAPS y los vínculos familiares por los usuarios en la reconstrucción de su autonomia, así como las cargas subjetivas generadas por las demandas de cuidado.

          Related collections

          Most cited references 20

          • Record: found
          • Abstract: found
          • Article: found
          Is Open Access

          O cuidado em saúde mental no CAPS no entendimento dos profissionais

          Trata-se de um subprojeto da pesquisa Avaliação dos CAPS da região sul do Brasil, tendo como objetivo conhecer o entendimento dos profissionais de um serviço substitutivo sobre o cuidado em saúde mental prestado neste espaço. Estudo com abordagem qualitativa, realizado em um CAPS II. A coleta dos dados ocorreu através de entrevistas. Os dados foram classificados em três temáticas, analisados segundo a literatura disponível. Neste artigo, abordaremos a temática que trata do entendimento dos profissionais do serviço sobre o cuidado que é prestado neste local. Os resultados mostram que o cuidado para estes profissionais abrange aspectos que vão além do biológico, incluindo também a família e a sociedade. Percebemos que a equipe do serviço está ampliando seu olhar sobre a saúde mental, quando compreende a reabilitação psicossocial como o centro do cuidado.
            Bookmark
            • Record: found
            • Abstract: found
            • Article: found
            Is Open Access

            Rede de cuidado em saúde mental: visão dos coordenadores da estratégia saúde da família

            RESUMO Objetivo Objetivou-se analisar a visão de coordenadores da Estratégia Saúde da Família (ESF) sobre a conformação da rede de saúde mental no município de Pelotas/RS. Método Estudo descritivo e exploratório, com abordagem qualitativa, realizado com seis coordenadores de ESF no ano de 2012. Para a coleta dos dados, foi utilizada a entrevista semiestruturada, e os resultados foram avaliados por análise temática. Resultados A rede construída pelos coordenadores é composta por poucos serviços formais e focada no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), e a rede informal é descrita com maiores pontos de cuidado. As trocas de corresponsabilidade no cuidado em rede ocorrem de forma frágil, sem o diálogo necessário. Conclusão Os coordenadores demonstram pouco conhecimento da rede formal de cuidado e uma atenção focada nos serviços da ESF e no CAPS. Reconhecem a importância de haver políticas públicas que valorizem e ampliem os espaços informais de cuidado no território.
              Bookmark
              • Record: found
              • Abstract: found
              • Article: found
              Is Open Access

              A instituição de saúde mental como dispositivo social de produção de subjetividade

              Analisa-se a instituição de saúde mental como dispositivo de produção de subjetividade. Embora se trate de um setor singular da produção, a aplicação do referencial de análise das formações sociais e da mercadoria, criado por Marx, pode trazer à luz aspectos de extrema utilidade na análise da composição e dos efeitos produtivos das práticas no campo da saúde mental em nosso contexto na atualidade. Dois modos de produção destacam-se em flagrante contradição: suas lógicas são congruentes com a do modo capitalista de produção ou com a lógica dos modos de produção cooperados que o antecederam; a concepção de saúde variará radicalmente em cada caso. Conclui-se que, no âmbito da saúde psíquica e mental, a produção de saúde é indissociável da produção de subjetividade, podendo estas ser sintônicas ou dessintônicas entre si, dependendo do modo de produção em que são realizadas. Propõe-se nova definição de saúde para a atenção psicossocial.
                Bookmark

                Author and article information

                Journal
                vinculo
                Vínculo
                Vínculo
                Núcleo em Saúde Mental e Psicanálise das Configurações Vinculares (São Paulo, SP, Brazil )
                1806-2490
                April 2021
                : 18
                : 1
                : 95-105
                Affiliations
                Uberaba MG orgnameUniversidade Federal do Triângulo Mineiro Brasil
                Article
                S1806-24902021000100013 S1806-2490(21)01800100013
                10.32467/issn.1982-1492v18n1p95-105

                This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

                Page count
                Figures: 0, Tables: 0, Equations: 0, References: 20, Pages: 11
                Product
                Product Information: website
                Categories
                Artigos

                Comments

                Comment on this article